PDCA, o que significa?

PDCA, o que significa?

O PDCA como método de controle de processos

Uma organização (empresa) precisa buscar atingir seus objetivos e metas, visando melhorar seu desempenho no mundo globalizado e cada vez mais competitivo e turbulento. Para tal, ela deve se adaptar às várias mudanças de mercado, o que acaba por exigir novas abordagens no seu sistema de gestão. O método universal para atingir metas é o Ciclo PDCA.

Ele é composto de quatro etapas distintas: Planejamento (PLAN), Execução (DO), Verificação (CHECK) e Atuação (ACTION). As metas serão atingidas através do giro sistemático do PDCA. Como mostra a Figura abaixo, o giro do PDCA permite corrigir eventuais desvios do nosso caminho para a meta.

O PDCA como método de controle de processos
O PDCA como método de controle de processos

Um dos procedimentos mais bem conhecidos na gestão da qualidade total (TQM), é o uso do PDCA, é um método iterativo de gestão de quatro passos, utilizado para o controle e melhoria contínua de processos e produtos. Um método completo e eficiente. A qualidade dos serviços oferecidos pelas empresas é, cada vez mais, um diferencial necessário para o sucesso e o destaque. Para isso, a eficácia dos processos se mostra como fator determinante no desenvolvimento do negócio.

Um problema é um resultado indesejável de um processo. Em outras palavras, “é um item de controle que não atinge o nível desejado”


(WERKEMA, 1995, p. 13)

Ciclo de Deming

Ciclo de Shewhart ou ciclo de Deming, é um ciclo de desenvolvimento que tem foco na melhoria contínua (Campos, 1994). É uma metodologia que tem como função básica o auxílio no diagnóstico, análise e prognóstico de problemas organizacionais, sendo extremamente útil como metodologia para a solução de problemas.

Poucos instrumentos se mostram tão efetivos para a busca do aperfeiçoamento quanto este método de melhoria contínua. Tendo em vista que ele conduz a ações sistemáticas que agilizam a obtenção de melhores resultados com a finalidade de garantir a sobrevivência e o crescimento das organizações (QUINQUIOLO, 2002).

O engenheiro Walter Shewhart foi o criador do método, nos anos 1920, mas o modelo foi se tornar famoso apenas nos anos 1950, principalmente no Japão, graças ao professor americano William Deming, que é considerado o pai do controle de qualidade nos processos produtivos.

A tendência ao infinito do ciclo

O ciclo PDCA tende ao infinito, porque o padrão restaurado ou o novo padrão pode ser posteriormente questionado por novas soluções de melhoramento.

A tendência ao infinido do ciclo
A tendência ao infinido do ciclo

Metodologias de Melhoria:

Para atacar as perdas dos processos e resolver os problemas de qualidade através de projetos de melhoria KAIZEN.

Metodologias de Padronização:

Para manter as melhorias alcançadas pelos projetos de melhoria, ou seja, sustentar os níveis de Qualidade, Custos, Prazo de Entrega, Segurança e/ ou Ambiental atingidos é necessário que o estabelecimento de padrões de trabalho e controle de processo.

OBS: As metodologias de padronização podem e devem ser aplicadas independentemente da ocorrência de problemas ou perdas. Por exemplo: Não se deve esperar um problema de qualidade para que o operador tenha disponível um ciclo de trabalho e um procedimento padrão com fotos da sequência correta de operação.

As fases do ciclo PDCA

Para se atingir uma determinada meta. Por exemplo, reduzir o custo de manutenção, reduzir o número de falhas, dentre outras. É preciso seguir metodicamente as quatro fases do PDCA. De maneira simples, estas fases consistem de:

(PLAN) Planejamento: Primeiramente, estabeleça claramente suas metas e os métodos para alcançá-las.

(DO) Execução: Em seguida, eduque e treine as pessoas envolvidas nos métodos a serem utilizados e coloque o plano em prática.

(CHECK) Verificação: Observe a situação e verifique se os resultados do trabalho executado estão progredindo em direção à meta.

(ACTION) Atuação: Se os resultados não estão progredindo em direção à meta, atue no processo em função dos resultados obtidos.

As fases do ciclo PDCA
As fases do ciclo PDCA

Contudo, o método pode ser aplicado a qualquer tipo de problema, inclusive em em situações da vida pessoal; e é base fundamental dos processos de gestão de qualquer tipo de organização. Portanto o Ciclo PDCA é projetado para ser usado com um modelo dinâmico.

A conclusão de uma volta do ciclo irá fluir no começo do próximo ciclo, e assim sucessivamente. Assim, seguindo no espírito de melhoria contínua, o processo sempre pode ser reanalisado e um novo processo de mudança poderá ser iniciado.

Baixe agora a planilha PDCA!


Eu posso ser eficaz, e não eficiente!


TÚLIO MARTINS
WeCreativez WhatsApp Support
Estou disponível para lhe atender, deixe sua pergunta...
👋 Olá, sou o Túlio, como posso ajudar?

40%

Off

Você quer solucionar problemas? Então essa é a solução, Planilha PDCA!
Você não pode perder essa oportunidade!