WCM - Cost Deployment ( Desdobramento de Custos)

WCM – Cost Deployment ( Desdobramento de Custos) – CD

O Cost Deployment é um método que inova os sistemas de Administração e Controle dos estabelecimentos, introduzindo uma forte ligação entre individualização das áreas a ser melhoradas e os resultados de melhoramento dos desempenhos, obtidos através da aplicação dos pilares técnicos do WCM, medidos através dos devidos KPI. Isso, portanto, constitui um meio confiável para programar a realiazação do orçamento (budget).

O Cost Deployment permite definir os programas de melhoramento que tiveram impacto na redução de perdas e de tudo o que pode ser classificado como desperdício ou sem valor agregado de maneira sistemática. Além disso, assegura a colaboração entre as Unidades de Produção e a função de Administração e Controle. Isso se realiza através:

  • Do estudo das reações entre os fatores de custo, os processos que geram desperdícios e perdas seus vários tipos;
  • Da procura da relação entre redução de desperdício e perdas, e a redução dos custos corres­pondentes;
  • Da verificação do know-how para a redução de desperdícios e perdas: se já está disponível ou se deve ser adquirido;
  • Da definição por prioridade dos projetos de redução de desperdícios e perdas conforme as prioridades derivadas de uma análise de custos / benefícios;

Do monitoramento contínuo do progresso e dos resultados dos projetos de melhoramento.

O Cost Deployment reside na capacidade de transformar as perdas em custos, quantificando em medidas físicas: horas, Kwh, números de unidade de material, etc.

A aplicação do Cost Deployment permite uma forte aceleração dos resultados e o alcance de vantagens importantes na redução das perdas. Esse método constitui a bússola que orienta e guia os projetos de melhoramento constante, permitindo enfocar as áreas em que são colocadas as maiores perdas casuais que fornecem as possibilidades de maior eficiência e eficácia na redução / eliminação, de agilizar a escolha das metodologias e dos pilares técnicos a ser ativados para a remoção das causas de perda, permitindo uma fácil avaliação de custos e benefícios.

CONCEITOS – Perdas ABC – Tipos de Custos

PERDAS ATACADAS PELO COST DEPLOYMENT

O percurso de implementação

A lógica do percurso de realização do Cost Deployment é a seguinte:

  1. A partir dos custos totais de transformação do estabelecimento e da análise de sua estrutura e composição, estabelecem-­se as metas de redução de custos (step 1);
  2. Identificam-­se as perdas e os desperdícios de modo qualitativo, colocando­-os nos processos em que acontecem (Matriz A – Perdas / Processos) (step 2);
  3. Identifica­-se a relação entre perdas causais e todas as perdas resultantes (Matriz B – Causais /Resultantes) (step 3);
  4. Transformam-­se as dimensões das perdas e dos desperdícios individualizados como causa originais de custos (Matriz C – Custos / Perdas) (step 4);
  5. Selecionam-­se metodologias (WCM Pilares) para remover as causas originais das perdas e dos desperdícios e estabelecem-­se prioridades (Matriz D ­ Perdas/Métodos) (step 5);
  6. Estimam-­se os custos de implementação dos Projetos para a remoção das causas e as vantagens em termos de redução de custos que comportam (Matriz E­ Custos/Benefícios (step 6);
  7. Implementam­-se, enfim, os planos de melhoramento, recolhendo os resultados (step 7) e fazendo follow-up.

Os step de 1 a 4 são constituídos por atividades preparatórias que servem para estabelecer prioridades e deixar realmente eficazes as atividades com valor agregado dos steps de 5 a 7. Especificamente, os primeiros três passos têm como objetivo calcular e quantificar as perdas a partir de dados de budget do estabelecimento, de dados sobre os custos do estabelecimento e de dados operativos.

O quarto e quinto passo têm o propósito de definir o programa de economia, através da estratificação das perdas, a avaliação de projetos de economia, a priorização de projetos, a quantificação das economias em termos de custos e de impactos para o melhoramento dos KPI relativos, a definição de Plano dos Projetos. O sexto e sétimo steps têm como objetivo assegurar a elaboração de relatórios e a monitoração dos resultados através do progresso trimestral dos desempenhos operativos e o cálculo das economias em termos de custos e de melhoramento dos KPI do estabelecimento.

Após a conclusão do step 7 as atividades de Cost Deployment devem começar pelo step 5, levando novamente em consideração a Matriz A dos custos e das perdas, com o propósito de selecionar outras perdas evidenciadas, que não tinham sido atacadas por falta de recursos e a ser atacadas com outros projetos que possam utilizar os recursos liberados conseqüentemente aos resultados de eficiência do ciclo de projetos concluídos.

A sugestão de duração para cada projeto é de três meses: se os projetos forem complexos e necessitarem de um tempo maior, é aconselhável dividi-los em subprojetos com metas intermediárias, de menor duração.

Atenção!

Para melhorar continuamente a capacidade de enxergar as perdas e os desperdícios, é necessário que os estabelecimentos realizem cuidadosamente a análise qualitativa das perdas (Matriz A) e a individualização das causas de origem das perdas (Matriz B), sem pensar em “saber de tudo” e pular para o cálculo dos custos das perdas através da realização da Matriz C.

Metodologia Cost Deployment 5 anos

A metodologia Cost Deployment 5 anos é um artifício de análise do Pilar CD que permite avaliar a evolução do Custo de Transformação sob a ótica dos benefícios alcançados ao longo de dois anos anteriores ao ano de análise. Esta avaliação contribui na composição de um plano de melhoramento de resultados para os 2 anos vindouros rumo ao Custo Alvo da Manufatura. Logicamente, todo o cenário de implantação de melhorias contínuas, projetos, ferramentas utilizadas, abordagens metodológicas deverão ser consideradas nesta análise. Desta maneira é possível compreender a tendência comportamental da organização e sua capacidade evolutiva tangente aos trabalhos empreendidos para redução de perdas. Os principais objetivos desta análise são descritos abaixo:

  • Projetar novos comportamentos para as pessoas que compõe os grupos de trabalho para a redução do Custo de Transformação,
  • Melhorar confiabilidade dos Sistemas de dados que retroalimentaram as futuras rodadas do Cost Deployment,
  • Proporcionar um ambiente de inovação tecnológica e metodológica e
  • Finalmente criar um plano ambicioso para alcance do Custo Alvo da Manufatura nos dois anos subsequentes.

REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA

PLEXUS, Interaction; AUTOMÓVEIS S/A, Fiat. Guia de Consulta – Metodologias WCM FIAT: CPI – Percurso Formativo – Formação de CPI. 02. ed. Betim – MG, Brasil: [s.n.], 2010. 160 p.

AUTOMÓVEIS S/A, Fiat. Pilares do World Class Manufacturing (WCM / FAPS – Fiat Auto Production System).. 01. ed. Betim – MG, Brasil: [s.n.], 2010. 315 p.

TÚLIO MARTINS

3 comentários em “WCM – Cost Deployment ( Desdobramento de Custos) – CD”

Os comentários estão encerrado.

WeCreativez WhatsApp Support
Estou disponível para lhe atender, deixe sua pergunta...
👋 Olá, sou o Túlio, como posso ajudar?

30%

Off

Aprenda sobre PDCA e Ferramentas WCM de uma forma simples e objetiva!
Você não pode perder essa oportunidade!